domingo, 20 de abril de 2008

Anonimato

Por trás de uma cortina de fumaça a palavra pode ser qualquer uma de deboche, de aceitação ou ciúme. Por trás de uma cortina de fumaça a maldade não tem rosto, não tem nome, não tem grau de proximidade, não tem tesão. Por trás de uma cortina de fumaça se é quem se gostaria de ser, se tem força, coragem e audácia. Não se assina o documento escrito, não se assume a bala disparada, não se resume o texto do atrito. Por trás de uma cortina de fumaça se pode ser qualquer um. Mas, se a gente não vale a pena nem pra gente mesmo, então tem mais é que se esconder por trás dessa cortina de fumaça denominada anonimato. O anonimato é a proteção de quem não tem coragem de quem não tem argumento de quem não tem história de quem não tem opção. E não ter coragem, argumento, história ou opção deve ser muito triste...
20.04.2008 - 17h15min

Um comentário:

© efeneto disse...

É sempre bom receber amigos novos. Agradeço a sua visita ao meu "Grito".
É possuidora de um espaço onde as palavras fluem conforme a sua sensibilidade. Voltarei para o visitar melhor assim como os outros espaços...beijito e uma boa semana.