sexta-feira, 4 de abril de 2008

Hoje é Sexta-feira

Sexta-feira, e a vida anda mole assim, meio de bobeira, como se hoje não fosse agora como se agora não fosse hoje como se já e daqui a pouco nada mais fossem que só um ponto ou uma vírgula ou uma expectativa não se sabe de quê. Sexta-feira, e a vida enrola um novelo de lã quentinha pra tricotar casaco pra filhinha que dorme tranqüila, na cama macia. Sexta-feira, e o informe oficial é de que, depois dela, vem o fim de semana esperado pra um descanso invejado por quem não pára nem em feriado muito menos em pleno sábado. Sexta-feira... Festival do Beijo, em Madri, e eu aqui... Sexta-feira... Aos 9 minutos do dia 05.04.2008

2 comentários:

Samir Raoni disse...

HÁ POESIA

A poesia esta nas pétalas que caem uma a uma,
Na terra que fazem dela sua vida,
Seu recomeço.
Prova de que na poesia tudo é soma nas linhas das flores
Na vida dos homens.
Boas poesias são aquelas que libertam-nos,
Que nos faz florir em nossa horta sentimental.
Poesia é ficar mais leve.
Poesia é estar pesado e nas linhas perceber a leveza dos fatos.
Poesia é cantar com os pássaros e perceber seu vôo para a magnitude que é viver,
ensinar, aprender.
Nela podemos ser e não ser.
A poesia é a alma da história.
Na bela poesia podemos estar leves e no registro dessa leveza ganhar asas
Chegando as nuvens que todos os dias no céu contam estórias.
Com desenhos, palavras, a história é registrada
Com tinta de vida, tinta que por muito cicatriza.
Somos soma de caminho feito a grãos no papel da vida, marcados pelos detalhes.
E nessa fabulosa forma de eternizar os sentimentos descontentada mente contentados


Com o presente e o passado,
Sabemos valorizar as boas coisas, descrevendo-as com
Entusiasmo.
Eterna por ela assim o fazer.
Estrela de saber
É a que na vida me norteia, faz-me entender, aconselha, me revela o que em mim deve permanecer.

E acreditem,
Há poesia em todos nós
Só falta você perceber.

Samir Raoni

Nath disse...

Sexta-feira, e alguém ali num canto, numa poltrona, à espera de um convite...